10 de agosto de 2016

Que exercício praticar?

13668008_1744340199167601_3772781744650641743_o

Tomar a decisão de praticar exercícios regularmente já não é muito fácil para algumas pessoas, quem dirá fazer algo que não curte! Aí, não adianta! Vai entrar para a famosa lista de quem paga academia e não frequenta! Yes, isso mesmo! Se exercício fosse a maior maravilha do mundo (e é, porém com visão altamente distorcida) não teríamos um número aproximado de 67 milhões de pessoas adultas sedentárias em nosso país (segundo o ministério do esporte em pesquisa realizada). E o dado que mais me surpreendeu é que o índice de sedentarismo é maior entre as mulheres 50,4%  contra 41,2% dos homens. Agora, vamos ao que interessa?!Conforme contei na minha breve apresentação, já dei muita aula de ginástica, variando entre, Local, Power Local, Step, Jump, Pilates, Zumba, Circuito, Alongamento, já fui instrutora de Musculação (não curti), já dei aula de Jazz, ah, esqueci-me de contar pra você, fui atleta de Ginástica Rítmica por 10 anos da minha vida também (amo de paixão essa parte).Desde 2004 ministrando aulas, e trabalhando nessa área sempre me questionei sobre o que de fato move uma pessoa se manter ativa, viciar nos exercícios? Vou te contar um segredo, eu sonhava sentir esse vício, essa vontade louca de se exercitar e não sentia. Até senti por um momento, quando surfava!Ano passado quando estive no primeiro Seminário Unleash The Power Within do Anthony Robbins, aprendi algo valioso, o impacto da fisiologia sobre nossos estados emocionais, então decidi começar a correr. Só de pensar, me faltava o ar, só de pensar me doía os joelhos e uma sensação de morte (rsrsrs) me assombrava nas primeiras tentativas. Mesmo assim insisti e comecei, dei o primeiro passo rumo ao meu novo estilo de vida! 10 quilos foram embora para bem longe, e uma vida com muito mais qualidade começou a bater a minha porta. Maaasss??? Péra aí? Tu não é professora de Ginástica? Yes, além de prof, dona de Academia J!!! Eee.. mesmo assim não tinha encontrado qual era o meu movimento, qual era o exercício que transformava meu estado emocional, ainda não havia descoberto o que fazia meu sangue correr com mais intensidade e sentir a adrenalina explodir dentro de mim!Gente, essa é a essência, não adianta nada você fazer crossfit porque esta na moda, fazer musculação pra ficar com o bumbum na nuca, pilates pra ficar igual às famosas. Você pode fazer qualquer modalidade, desde que você sinta – se incrível a cada momento que você finaliza seu exercício. Esse exercício sim vai esculpir seu corpo, vai desenhar as suas mais belas curvas e vai alimentar a sua mente daquilo que há de melhor. O orgulho de ser você mesma e de superar-se a cada dia que decide sair da cadeira, sofá ou cama para mover-se a uma qualidade de vida que só você pode usufruir, pois é algo que só você pode fazer por você mesma!Vamos lá, comece agora a sua busca, experimente todas as modalidades, preste atenção nas sensações e se precisar crie a sua própria modalidade, vale até dançar na sala, você também pode até trocar uma ideia comigo (rsrs) podemos criar um exercício novo juntas, e claro, compartilhe comigo a sua experiência! Vale tudo, menos ficar parada!

Juli Corrida

Beijos, Juliana Scheuer
Comentários  |  0
Deixe um comentário