31 de Março de 2018

Gordura corporal, entenda isso.

Percentual de gordura corporal, entenda isso!

É muito comum as pessoas terem como objetivo “trocar gordura por músculo”. Mas esse negócio “bem bolado” não existe.

Eu sempre explico nas minha consultas de que forma funciona o ganho de massa muscular, a perda de gordura, bem como o momento ideal para fazer cada um deles. Vamos entrar brevemente no assunto.

Quando o indivíduo quer ganhar massa muscular, além de obrigatoriamente ser preciso uma rotina de treino adequada, deverá existir um consumo calórico maior do que a sua necessidade. Esse saldo positivo é um dos principais fatores responsáveis pela construção dos músculos, além de muita paciência, pois é um trabalho lento.

Sim, você vai comer MAIS! Assim não fica difícil entender porque não dá pra ganhar massa muscular durante o objeto de emagrecimento, certo?

Quando o indivíduo tem como objetivo emagrecer, deve haver um déficit calórico no seu plano alimentar. Esse saldo negativo é um dos principais fatores responsáveis pelo perda de massa gorda. Você deve comer MENOS!

Daí vem a importância do % de gordura corporal – e da sua precisão. Esse dado nos fornece com mais transparência a real composição corporal do indivíduo, pois com ele temos os dados de massa gorda e massa magra. A partir disso conseguimos determinar os próximos passos a serem trabalhados, estratégia alimentar, atividade física, “necessidades versus objetivos” e decidirmos o que vamos PRIORIZAR. Fazer o milagre da troca ao mesmo tempo infelizmente não dá.

Se o % de gordura estiver acima do recomendado, eu sugiro primeiro baixá-lo. É o caminho mais sensato para posterior ganho de massa muscular. Há uma briga para que durante o processo de emagrecimento consigamos preservar ao máximo a massa muscular sem perde-la, e no trabalho de hipertrofia para que não haja o ganho de gordura simultaneamente. Considero um trabalho de sucesso quando conseguimos minimizar os dois possíveis efeitos negativos durante os dois objetivos.

E qual é o % de gordura ideal?

Depende do seu objetivo. Mas se estamos falando de saúde, nessa tabela temos valores trabalhados para a maioria da população:


Essa classificação é geral e não específica. Outras populações como: pediátrica, atletas e idosos podem ser diferentes!

Existem várias formas de se calcular o % de gordura, sendo a bioimpedância e avaliação física manual (feita com o plicômetro) as mais utilizadas. A segunda é mais assertiva e precisa. Nutricionistas, educadores físicas e médicos estão aptos para realizar a avaliação, procure um profissional e veja como você está!! Beijos Luana Martins. 

Luana Martins @nutricionistaluana
Nutricionista clínica e esportiva. Membro do ISAK – Antropometrista nível 1 – International Society for the Advancement of Kinanthropometry.
Atendimento: Rua Orestes Guimarães, 814. Clínica Livon – 3422-1112.

Beijos, Paty
Comentários  |  0
31 de Março de 2018

Uma vida sem olheiras, sim é possível!

Uma vida sem olheiras, sim é possível!

Não podemos prometer que elas desapareçam 100%, mas podemos assegurar que tratando direitinho as olheiras demoram muito a retornar! E não voltam com força total não!! Mas lembre-se, os cuidados não podem parar!!!

Para a felicidade de todos, hoje existe uma série de tratamentos específicos que trazem ótimos resultados por um longo período de tempo.

As olheiras fazem das mulheres escravas da maquiagem, e o pior, a maquiagem nem sempre consegue esconder as mesmas com precisão. Hoje são tantas as variedades de corretivos que muitas mulheres não sabem qual marca ou tom comprar para aplicar, ou ainda, a danada da olheira não é escondida totalmente por baixo da make. Por conta disso, procedimentos clínicos dermatológicos são grandes aliados na hora de combatê-las.

É importante frisar que existem alguns tipos de olheiras, então uma consulta com um dermatologista é fundamental para conhecer o seu caso, além disso, as causas podem ser mistas. Algumas delas são hereditárias, podem aparecer por excesso de vasos sanguíneos ou pigmentação na região, bolsas de gordura, cansaço e “sombra” (devido ao “olho fundo”).

São 4 os tipos de olheiras. Veja se identifica o seu!

  • Estrutural:Por falta de tecido na região, a pele fica mais fina e até transparente, o que dá ilusão de “olho fundo”, pois gera uma “sombra” na goteira lacrimal. Ultherapy, Skinbooster e Preenchimento com Ácido Hialurônico são ótimas opções de tratamentos para eliminá-las e podem até ser combinadas entre si.
  • Pigmentar:É marrom devido ao excesso de pigmentação da pele. Comum em quem tem pele morena. Lasers e Peelings são boas indicações para este tipo.
  • Vascular:Pode ser roxa, azul ou vermelha devido ao excesso de vasos sanguíneos na região. Expert Light (Luz Intensa Pulsada) é uma tecnologia indicada nesses casos.
  • Mista:É a mais comum de todas e carrega um pouco de cada situação acima. Combinar tratamentos é o mais certo a se fazer. Laser de CO² Fracionado, aplicação de Vitamina C e Ácido Tranexâmico funcionam muito bem.

Além dos tratamentos clínicos alguns cuidados básicos diários são indicados para se realizar em casa. Conheça!

  • Compressa gelada de chá de Camomila sobre os olhos (calmante);
  • Colher gelada sobre as pálpebras inferiores (vasoconstrição);
  • Beber muita água (hidratação);
  • Dormir com qualidade, no escuro total e de preferência 8 horas por noite (descanso).

Por mais que essas dicas pareçam bobas, não são! Tenha disciplina nesses cuidados e vai perceber a diferença.

Não aplique produtos sem a indicação do seu dermatologista, eles podem agravar ainda mais a situação! Fale com quem entende do assunto!

Beijos e até o próximo mês! Milena Zanella. 

Siga-nos nas redes sociais:

Instagram – @clinicaazulayezanella | @centrocapilaraz | @dr.vitorazulay | @dra.milenazanella

Facebook – Azulay E Zanella Dermatologia

Beijos, Paty
Comentários  |  0
31 de Março de 2018

Mesa de Páscoa

Mesa de Páscoa

Olá amantes de mesa posta como eu. Para nós, que gostamos de decoração, cada data comemorativa é um momento especial, afinal é sempre bom ter um pretexto para colocar a criatividade para funcionar e montar composições incríveis. O tempo voa e a Páscoa está batendo a nossa porta. Está em dúvida do que montar ou a procura de idéias? Então está lendo a coluna certa, pois também já estou pensando em várias composições diferentes.

São muitas as opções de decoração, onde podem ser explorados vários elementos. Embora alguns deles sejam especialmente lembrados como ovos, cenouras ou coelhos, sempre sugiro que adquiram opções que possam ser usadas durante o ano, fazendo assim uma compra inteligente.

Claro que Páscoa, mesmo com seu sentido religioso nos conquista pela inocência da criança, em achar que o coelho passa, deixa suas marcas no chão e ovos de chocolate pela casa. Os coelhos podem sim estar na composição, porém com peças soltas, evitando assim estampas de americanos e toalhas que só poderiam ser usados nesta época. Que tal investir em um tecido xadrez verde ou azul e usar o coelho como anel de guardanapo? Assim, estará no clima e poderá usar o xadrez durante o ano todo.

Há, algo bem bacana também é fazer do próprio guardanapo um coelho, isso mesmo, uma dobra especial onde ao invés de usar um anel, o guardanapo é dobrado ficando em evidencia as orelhas. Super charmoso e diferente.

Ovos de galinha pintados, palha, cenouras de feltro, flores, ramos e galhos secos podem compor a decoração. Aproveite para colocar sua criatividade em prática e montar aquela mesa linda para comemorar.

Agora aproveitem esse vídeo super bacana que preparei para vocês e deixe o almoço de Páscoa ainda mais bonito na sua casa!! Beijos Evelize Olímpio! 

 

 

 

Beijos, Paty
Comentários  |  0
Página 2 de 75012345Última »